segunda-feira, 26 de março de 2012

Antecipação Nova Escola 2012: reajuste será 14,11%


O governador Sérgio Cabral e o Secretário  de Educação, Wilson Risolia, decidiram, em reunião nesta segunda-feira (26/03), antecipar as parcelas restantes do programa Nova Escola. O reajuste será de 14,11% e beneficiará cerca de 130 mil professores, ativos e inativos. Os novos vencimentos valem a partir de 1º de Maio. O esforço orçamentário será de R$ 150 milhões.

Inicialmente, as parcelas do programa Nova Escola seriam incorporadas até 2015. No entanto, a Seeduc antecipou em três anos o pagamento da gratificação. Em 2007, um professor inicial de 16 horas semanais ganhava R$ 540,64. Com o reajuste, o docente passará a receber, pelas mesmas 16h semanais, R$ 1.001,82.

- Com essa antecipação, zerando o Nova Escola, e o fato de termos eliminado os passivos de enquadramento, mostramos que o trabalho visa à valorização do professor. São medidas extraordinárias e que demandaram grande esforço, mas que valem a pena – disse o secretário de Estado de Educação, Wilson Risolia.

No Estado do Rio, a hora/aula passa a valer R$ 15,65. Com o reajuste, o Rio de Janeiro ficará entre os cinco estados com valor acima da média nacional. Atualmente, o piso é de R$ 1.450 para uma jornada de 40 horas semanais, o que corresponde a R$ 9,06 a hora/ aula.

A remuneração dos professores é constituída por vencimento-base, triênio por tempo de serviço e enquadramento por formação. Os aprovados no último concurso para Docente I - 16 horas semanais, com salário inicial de R$877,91, irão ingressar na rede recebendo o salário reajustado para R$ 1.001,82; assim como os de 30 horas por semana, que fizeram concurso para receber R$ 1.646,04 e receberão R$ 1.878,40.

Fonte: